Documentário sobre impacto ambiental no Rio do Sal é selecionado em festival nacional

Vídeo produzido pelos alunos da graduação em Gestão de Turismo concorreu na categoria de melhor curta-metragem do Festival Filmambiente, que reúne as melhores produções nacionais e internacionais sobre questões ambientais

O que começou como um trabalho de sala de aula transformou-se em uma produção audiovisual reconhecida nacionalmente. Esta é a história do vídeo-documentário ‘Projeto Salobra: o Rio do Sal em foco’, produzido por alunos do curso de graduação em Gestão do Turismo para a disciplina Educação Ambiental.

Selecionado para o VII Festival Filmamabiente 2017, a produção dos estudantes foi contemplada na categoria melhor curta, com vídeos de até dois minutos.

O documentário aborda a história do Rio do Sal, que fica localizado em Aracaju, e o impacto causado pela exploração homem. De acordo com o professor Lício Valério Lima Vieira, orientador do projeto, o descarte incorreto de lixo é um dos maiores problemas ambientais em todo o mundo, sendo de suma importância diminuir os impactos gerados pela sua produção.

“A inserção de ações de sensibilização e informações na sociedade como um todo implica num desenvolvimento ambiental satisfatório e tende à minimização de um dos mais graves problemas que impede a manutenção constante do planeta terra”, aponta Lício Valério, que contou com o apoio, na produção no material, do docente José Franco de Azevedo.

Sobre o festival

O Filmambiente reúne anualmente as melhores e mais recentes produções nacionais e internacionais sobre questões ambientais em exibições gratuitas e legendadas. Os filmes podem iniciar e reforçar modismos e estilos de vida e nenhum outro meio pode ser tão eficaz para difundir modelos sustentáveis de viver que possibilitem um futuro melhor para a humanidade.

Em sua sétima edição, o festival está ocorrendo em duas etapas, sendo que a primeira aconteceu no Rio de Janeiro, de 14 a 20 de setembro de 2017, e segunda acontecerá em Brasília no período de 15 a 21 de março de 2018, mesmo período do Fórum Mundial da Água na mostra “Vozes do Cidadão”, quando será exibido o vídeo documentário dos alunos do IFS.

Assista ao documentário:

Deixe uma resposta